Preço/Lucro (P/L): Busque as Ações mais Baratas da Bolsa

1227
indice preço-lucro

O Índice Preço/Lucro (P/L) é um indicador bastante usado pelos investidores para fazer análise fundamentalista de ações, sobretudo pela sua facilidade de ser calculado e interpretado. 

De maneira geral, o P/L é empregado por investidores que buscam ações baratas, ou seja, aquelas que estão descontadas em relação ao seus indicadores e, portanto, possuem maior potencial de valorização na bolsa de valores..

Leio o artigo até o final para entender o que é o Índice P/L, como ele é calculado e como avaliar seus resultados para encontrar as melhores oportunidades de investimentos no mercado de ações

Além disso, neste artigo você também vai conhecer quais são as imitações desse indicado e porque não deve ser utilizado isoladamente em uma análise. 

O que é o Índice Preço/Lucro (P/L)

O Preço/Lucro, comumente chamado apenas de P/L, é um indicador usado na análise fundamentalista calculado a partir da divisão do preço de uma ação pelo lucro da empresa. 

O objetivo deste indicador é apresentar quanto os investidores estão dispostos a pagar pelo lucro da empresa.

Então, por exemplo, uma empresa com P/L de 10 nos diz que seus investidores estão dispostos a comprar o papel da companhia por 10 vezes o seu lucro.

O P/L também pode ser interpretado como o tempo (em anos) necessário para uma pessoa reaver o capital investido na compra das ações, por meio dos recebimentos dos lucros da empresa.

Ou seja, se uma empresa possui um P/L igual cinco, quer dizer que o investidor pode demorar até cinco anos para recuperar o seu valor investidor. 

Para que isso possa ser feito, é considerado que os lucros da empresa são constantes no tempo.

Como calcular o Índice Preço/Lucro (P/L)

Calcular o P/L de uma empresa não é tão complicado e fazendo isso é possível ter uma visão mais clara de como funciona esse indicador. Vamos te ensinar agora como fazer isso. 

Para calcular o P/L de uma ação, você vai usar a seguinte fórmula:

Como você pode perceber na imagem acima, para encontramos o P/L é preciso  conhecer o preço da ação e o lucro da ação. 

Para saber o preço da ação basta acessar algum site ou home broker da sua corretora. O preço da ação corresponde ao Valor de Mercado da empresa dividido pelo Número de Ações Emitidas.

Já para encontrar o Lucro por Ação você precisa dividir o Lucro Líquido da empresa novamente pelo Número de Ações Emitidas.

Depois basta dividir o primeiro valor pelo segundo e aí vai encontrar o P/L da ação a qual está analisando. 

Simples, não é mesmo? Mas se ficou alguma dúvida, não se preocupe. Vamos fazer um exemplo prático para deixar tudo mais claro. 

Suponhamos que as ações da Vale S.A. tenham um Valor de Mercado de aproximadamente R$ 270,9 bilhões de reais e o Número de Ações Emitidas sejam de aproximadamente 5,3 bilhões.

Dividindo o valor de mercado pelo número de ações emitidas, vamos encontrar um preço por ação de R$ 51,11. Claro, você também pode fazer uma rápida pesquisa na internet para descobrir o preço da ação, vai ser mais rápido. 

Agora vamos para a segunda parte. Suponha que o Lucro Líquido da empresa no nos últimos 12 meses foi cerca de R$ 24 bilhões. Dividindo esse valor pelo número de ações = temos um Lucro por Ação de R$ 4,52.

Agora, para achar o P/L basta fazer o cálculo: 51,11 / 4,52. Nesse caso, vamos encontrar um P/L de 11,3.

Viu como é simples o cálculo para encontrar o P/L ?

Se você quiser facilitar ainda mais seu trabalho, pode procurar por esse dado já pronto. 

Existem muitos sites nas internet que disponibilizam indicadores fundamentalistas como o P/L já calculados para os investidores.

Mas, de qualquer maneira, você vai precisar saber como interpretar esse valor.

Como interpretar o P/L encontrado

Agora que você já sabe o que é e como calcular o Índice Preço/Lucro, chegou a hora de entender como interpretar o valor encontrado.

Um P/L alto pode indicar, entre outras coisas, que a empresa é líder do setor ou que está super valorizada pelo mercado, nesse caso o investidor demoraria mais tempo para recuperar o valor investido. 

Por outro lado, um P/L baixo pode indicar estar com seu modelo de negócio ultrapassado ou que seu valor no mercado está descontado, o que pode gerar uma boa oportunidade de investimentos. 

Essas são algumas interpretações possíveis, porém, o P/L pode indicar muitas outras situações. 

Para facilitar, reunimos de forma simplificada as principais conclusões possíveis para o resultado alto ou baixo de um P/L.

P/LAltoBaixo
Potencial de CrescimentoAltoBaixo
Indicadores FundamentalistasBonsRuins
GestãoSólidaQuestionável
Modelo de NegócioLíderUltrapassado
Vantagens CompetitivasSimNão
Preços das AçõesCaroBarato
Estimativa de crescimento da empresaSuperestimadaSubestimada

Como você pode perceber, o P/L é um excelente indicador que pode dizer muito sobre uma empresa e o valor de suas ações no mercado. Porém, existem diferentes interpretações. 

Nesse sentido, cabe a você avaliar com cautela os resultado encontrados para definir se o investimento é ou não uma boa oportunidades. 

É importante lembrar, contudo, que como todo dado, o Índice Preço/Lucro não deve ser avaliado isoladamente quando fazemos uma análise fundamentalista de uma empresa. 

Isso porque existem uma série de fatores de podem impactar tanto no lucro quando no preço de uma ação e esses fatores devem ser estudados em conjunto para evitar erros de interpretação.

Por fim, você deve saber que pode ser deparar com situações em que o P/L de uma empresa é negativo. 

Quando você encontra um P/L negativo, quer dizer que o Patrimônio Líquido da empresa é negativo. Isso ocorre quando os prejuízos são maiores do que os recursos aportados e os lucros.

Isso significa que essas empresas estão operando com capital de outras fontes, como empréstimos, por exemplo,  o que inviabilizando a comparação do seu P/L.

Nesses casos é preciso ficar atento aos níveis de endividamento da empresa, além de outros fatores.

Atenção ao utilizar o Índice Preço/Lucro (P/L)

Ao se utilizar o indicador P/L deve-se ter cuidado, pois a fatores que se não levados em consideração podem distorcer a análise.

Veja alguns fatores que podem prejudicar sua análise:

  • Empresas de rápido crescimento tendem a operar com P/L elevado;
  • Empresas de países diferentes podem apresentar P/L diferentes;
  • Os resultados das empresas podem ser impactados por fatores não recorrentes, como receitas extraordinárias;
  • A utilização de padrões contábeis diferentes podem distorcer a análise.

Por fim, tenha em mente de que se você vai usar o P/L para comprar diferentes empresas e definir qual é a melhor opção, deve fazer isso somente com empresas que atuam no mesmo setor e que tenham modelo de negócio parecido.

É preciso sempre comparar banana com banana, maçã com maçã. 

essa distinção é importante porque segmentos diferentes têm modelos de negócios diferentes, em que a geração de caixa e as margens de lucro diferem, a ponto de inviabilizar uma comparação.

Conclusão

Como você viu o Preço/Lucro é um indicador bastante relevante para a análise fundamentalista e pode dizer muitas coisas sobre uma empresa e suas ações. 

Muitas vezes um P/L alto  pode ser um bom sinal, mas também pode indicar que a empresa está supervalorizada pelo mercado, em outras palavras, a ação está cara.

Por outro lado, um P/L baixo, pode indicar empresas que têm seus valores descontados,  ou seja, que as ações baratas o que pode gerar boa oportunidade de investimento, ou ainda, que a empresa possui baixo potencial de crescimento. 

Portanto, para uma avaliação mais precisa e assertiva, é fundamental que o P/L não seja analisado separadamente, mas em conjunto com outros indicadores da empresa.