Você já ouviu falar em holding? Provavelmente sim, afinal esse é um tipo de empresa que tem ganhado bastante espaço no cenário nacional, sobretudo pelos benefícios fiscais que ela pode oferecer. 

Mas se você, assim como muitas pessoas, nunca ouviu falar nesse tipo de empresa, tudo bem. Nesse artigo vamos falar sobre o que é uma, quais são suas vantagens e se vale a pena montar ou investir em uma holding

O que é uma Holding

De maneira bem simples, uma holding, nada mais é do que uma empresa que tem como principal atividade a participação acionária majoritária em outras empresas. 

A palavra vem do inglês “to hold, que, em tradução livre, quer dizer segurar. 

Assim, o principal objetivo de uma sociedade constituída como uma holding é ser uma gestora matriz de participações sociais, ou seja ela tem como objetivo administrar ou controlar e “segurar” uma outra empresa ou outras empresas das quais é a maior sócia. 

Para cumprir seu papel, a holding tem a responsabilidade de organizar a estrutura societária de subsidiárias e também de preservar um bom relacionamento com seus colaboradores e outras empresas para possibilitar uma gestão global mais eficiente. 

O modelo de participação da Holding nas subsidiárias, no entanto, pode variar um pouco dependendo da sua classificação. Vamos falar um pouco mais disso. 

Tipos de Holding

Existem basicamente dois tipos de holding a Pura e a Mista. 

Holding Pura

Uma holding pura tem como atividade essencial cuidar do capital social de suas subsidiárias, portanto, a função dela está limitada à administração e auxílio da gestão da companhia. 

Ela pode cumprir esse objetivo através da de orientações nas tomadas decisões ou ainda patrocinando uma determinada atividade da companhia. 

Holding Mista

A holding mista, assim como a pura também exerce a função de cuidar do capital social da empresa, mas ela também acumula a responsabilidade de realizar a exploração da atividade empresarial. 

Ela pode realizar, sobretudo, serviços de ordem civil e comercial, mas não pode exercer atividades no segmento industrial. 

Uma holding mista, além disso, também pode oferecer serviços para outras empresas, sem que seja necessário que eles estejam vinculadas. Isso permite um resultado melhor para a sociedade. 

A holding mista é o tipo mais popular no Brasil. 

Holding Familiar

É muito comum encontrar uma holding definida como familiar, mas ao contrário do que muita gente pensa, uma holding familiar não é um tipo, mas sim uma configuração específica da holding. 

O holding desse tipo é caracterizada pelo fato de ser uma empresa familiar e ela pode, ou não, administrar um grupo de empresas pertencentes a um mesmo grupo de pessoas.

O que é uma Holding Patrimonial

Uma holding patrimonial é uma empresa criada com o objetivo principal de gerir, de maneira centralizada, bens que fazem parte do capital social de uma companhia ou família, como imóveis, por exemplo, e obter benefícios fiscais a partir disso. 

As holdings patrimoniais, também chamadas de empresas administradoras de bens, são um tipo de empresa como qualquer outra e podem ser constituídas na forma de sociedade limitada (LTDA) ou sociedade anônima (S.A) com ações negociadas na Bolsa Valores

Os principais benefícios de uma holding patrimonial estão relacionados ao ganho fiscal quando comparado ao inventário. Veja na tabela abaixo alguns desses benefícios. 

EventoInventárioHolding Patrimonial
Tributação sobre o total da herança ou doação (ITCMD)4%4%
Tempo para criação ou para o Inventário5 anos em média30 dias em média
Tributação dos rendimentos27,50%12,83%
Tributação sobre bens e imóveis (ITBI)27,50%5,8%

Vantagens de Uma Holding

As holdings são cada vez mais comuns no ambiente empresarial e também familiar, isso porque elas podem trazer inúmeros benefícios, sobretudo no aspecto tributário. 

Em relação aos benefícios fiscais, a holding permite diminuição do imposto de renda no recebimento de renda passiva proveniente de aluguéis. 

Para pessoa física a tributação do aluguel segue a tabela progressiva de IR e pode chegar ao máximo de 27,5%. 

Já no caso de pessoa jurídica existe redução de 11,33% incluindo os tributos referentes ao IRPJ, CSLL, PIS e Cofins, além da alíquota do IR de 10% em alguns casos. 

Além disso, é possível reduzir a alíquota do imposto em casos de vendas de imóveis comprados ou integralizados com essa finalidade. 

Além dessa vantagem as holdings ainda podem oferecer outros muitos benefícios como, por exemplo:

  • Facilidade formação
  • Economia com negociação em grande escala
  • Agrupamento de capital
  • Assegurar unidade de controle
  • Equilibrar políticas de crescimento externo e interno

Desvantagens de uma Holding

Como mostramos uma holding pode ser uma boa forma de obter benefícios fiscais, além de oferecer outras muitas vantagens, porém também existem pontos negativos que uma holding pode proporcionar. 

Veja algumas possíveis questões que podem ocorrer a partir da formação de uma holding:

  • Desvio de poder
  • Conflito de interesse
  • Concentração poder econômico
  • Monopólio secreto
  • Exploração de subsidiárias

Vale a pena montar uma Holding?

Apesar de ser bastante popular no meio empresarial e para algumas famílias, sobretudo pelos seus benefícios, a decisão de montar uma holding não é simples e não deve ser tomada sem que haja uma boa avaliação antecipada.

Por isso, se você está pensando em montar uma holding vale a pena estudar muito acerca do tema e consultar um profissional da área para te auxiliar na sua decisão.  

Holdings na Bolsa de Valores

Uma holding pode ser uma boa ideia se você tem uma empresa ou inúmeros bens para administrar, mas também pode uma boa opção para você investir na Bolsa de Valores

Na B3 você vai encontrar algumas opções de holdings caso você queira investir nesse tipo de empresa. 

Um exemplo de uma holding negociada na Bolsa de Valores é a Itaúsa (ITSA4).

Nesse caso, você pode optar por investir na controladora, no caso a própria Itaúsa, ou diretamente na sua controlada, o Banco Itaú (ITUB4). 

É melhor investir na holding ou em sua controlada?

Muita gente fica em dúvida sobre comprar ações de uma holding ou de sua controlada, afinal de contas o que é melhor comprar ações do Itaú ou da Itaúsa?

Para definir qual a melhor opção entre as duas ações o ideal é fazer uma boa avaliação. 

Se você está pensando em investir em uma holding ao invés de aplicar na sua controlada o primeiro ponto a ser avaliado são as despesas da holding. 

Em alguns casos as despesas são apenas provenientes de atividades administrativas, mas em outros casos podem haver despesas financeiras se a holding tiver adquirido ações de sua controlada por meio de emissão de dívida. 

Nos casos em que a despesas da holding são pequenas e não representam uma parte considerável de seus lucros, então comprar uma ação dessa empresa é quase o mesmo que adquirir ações de sua subsidiária. 

Quando isso acontecer o próximo passo é comparar o valor das duas empresas. De maneira bem simplista, quanto existe diferente de 10% entre o valor de mercado da holding e o valor de mercado da participação detida pela holding, a aquisição das ações da holding podem ser vantajosa.