Investir diretamente Ibovespa não é possível, mas se você quer aproveitar as altas da Bolsa de Valores, uma ótima alternativa é o BOVA11, o ETF negociado na Bolsa que replica o Índice. 

O BOVA11 é o ETF ideal para quem deseja acompanhar o Ibovespa, mas não dispõe de muito tempo para escolher as ações que vão compor a sua carteira uma a uma. 

O que o BOVA11

O BOVA11 é um ETF – sigla em inglês para Exchange Traded Fund, que pode ser traduzido para Fundo Índice no Brasil – que tem como objetivo replicar o maior índice da Bolsa de Valores do Brasil o Ibovespa

Para fazer isso, o fundo de índice se propõe a investir em ativos que compõem a carteira teórica do índice. Além disso, o peso de cada ação na carteira do BOVA11 também é baseado no peso que a ação tem na Carteira do IBOV

Em média o BOVA11 mantém uma carteira com um número de ativos próximo ao do IBOV, os quais representam maior parte da carteira do Índice Bovespa, incluindo ações da Petrobras, Vale, Itaú, Bradesco, Ambev, entre outras. 

Por ter como referência o Ibovespa, nosso principal índice, o BOVA11 tem uma grande popularidade no mercado, sendo o ETF mais negociado no mercado. 

Ao todo, o fundo tem mais de 101,9 milhões de cotas negociadas no mercado o que se refere a um patrimônio de cerca de R$ 11,66 bilhões. 

Como Funciona um ETF?

Os ETFs são uma modalidade de investimento relativamente nova no Brasil, sendo que o primeiro foi criado apenas em 2004, enquanto nos Estados Unidos esses fundos já são negociados desde 1993. 

Diante desse cenário, muitos investidores ainda têm dúvidas a respeito dessa modalidade de investimento. Uma dúvida muito comum é: como funciona um ETF? É isso que vamos responder agora. 

Os ETFs são fundos negociados na Bolsa de valores que têm como objetivo replicar algum índice. No caso do BOVA11, como dissemos, índice de referência é o Ibovespa. 

Dessa forma, o dinheiro disponível pelo fundo, proveniente dos investimentos dos cotistas, é destinado a formação de uma carteira que tenha uma composição parecida com o seu referencial.

Assim como no caso de outros tipos de fundos disponíveis no mercado, o dinheiro de um ETF também é gerido por um profissional especializado, que deve aplicar o dinheiro da melhor maneira possível para chegar ao resultado esperado. 

Apesar de ser um produto mais jovem, já é possível encontrar no mercado nacional diversas opções de ETFs, incluindo:

  • SMAL11
  • XBOV11
  • DIVO11
  • IVVB11
  • ECOO11
  • BOVB11
  • Entre outros

Composição BOVA11

Como o objetivo do BOVA11 é replicar o Ibovespa, a carteira do fundo é composta por ações que pertencem a carteira teórica do índice. 

Contudo, como o objetivo dos gestores é obter os melhores resultado possíveis, nem todas as ações que compõem o índice fazem parte da carteira do fundo. Além disso, como ocorre com o IBOV a carteira do BOVA11 também está sujeita a alterações.

Atualmente mais de 70 ativos fazem parte do BOVA11. Veja na tabela abaixo uma parte da carteira do BOVA11 em Janeiro de 2020.

Para conhecer a composição completa do BOVA11 você pode acessar a página do fundo no site da Gestora do ETF, Blackrock (IShares)

Histórico BOVA11

O BOVA11 foi lançado no mercado há mais de 10 anos e de lá para cá suas cotas passaram por uma valorização muito boa. 

Em novembro de 2008, quando tudo começou, a cota do BOVA11 era negociada a cerca de R$ 35 reais, enquanto hoje a mesma cota custa em torno de R$ 112. 

O bom desempenho do ETF ao final de mais de uma década é resultado do bom desempenho do Ibovespa no período, além da boa gestão do fundo. 

Como você pode ver na imagem abaixo, durante todo tempo que vem sendo negociado no mercado o BOVA11 conseguiu cumprir seu papel de replicar o IBovespa, inclusive, em alguns período ficando acima do índice. 

Fonte: Blackrock

Vantagens do BOVA11

O BOVA11, como já falamos, é uma opção muito interessante para quem deseja investir no mercado de ações e acompanhar o Ibovespa sem precisar despender muito tempo e dinheiro, afinal, mais 70 ações fazem parte do IBovespa e do BOVA11. 

Porém, seguir o principal índice da Bolsa não é a única vantagem desse ETF. Veja agora algumas das maiores vantagens do BOVA11:

Liquidez

Um grande problema que os ETFs podem enfrentar é a falta de liquidez, o que pode tornar qualquer investimento pouco interessante, mas no caso do BOVA11 esse problema parece ter ficado para trás. 

O BOVA11 é hoje o ETF mais negociado da Bolsa de Valores, com volume de mais de 5 mil negócios realizado diariamente. 

Portanto, se você pensa em investir em um ETF, mas está preocupado com a Liquidez, o BOVA11 pode ser uma opção. 

Diversificação

Um atrativo de todo fundo é a diversificação e com o BOVA11 não poderia ser diferente. Ao comprar uma cota do fundo, você passa a investir automaticamente em todas as ações que compõem a carteira do ETF. 

Com uma carteira diversificada é possível diluir os riscos relacionados diretamente às ações, assim, é possível alcançar uma melhor relação entre o risco e o retorno esperado. 

Reinvestimento automático dos dividendos

Quando você investe por conta própria e recebe dividendos, o dinheiro fica lá parado na sua conta até que você faça um reinvestimento. Além disso, o valor as vezes é baixo, não sendo suficiente para comprar novas ações. 

Já no casos dos ETFs isso não acontece. Quando você investe no BOVA11 garante que seu dinheiro vai estar rendendo o tempo todo. Isso porque nesses casos o valor recebido de proventos é automaticamente reinvestido de acordo com a estratégia do gestor. 

Aluguel automático de ações

Outra forma de ganhar dinheiro com as ações, sobretudo se você é um investidor de longo prazo, é alugando seus ativos no mercado financeiro. 

Sabendo disso, o BOVA11 aluga automaticamente grande parte de suas ações, o que gere uma renda extra para os cotistas do fundo. 

Gestão profissional

Como todo fundo, o BOVA11 também conta com uma gestão profissional. A Blackrock, gestora do ETF tem um time de profissionais especializados cujo objetivo garantir o melhor resultado para o fundo e, consequentemente, para os cotistas. 

Contudo, é preciso ter em mente que nesses casos a autonomia do investidor é muito reduzida, ou seja, você não poderá definir exatamente em quais ativos seu dinheiro será alocado. 

Isso, de qualquer maneira, pode ser usado a seu favor, sobretudo se você não tem muito conhecimento do mercado e não pretende passar muito tempo estudando sobre cada ativo para investir. 

Vale a pena investir no ETF BOVA11?

O BOVA11 é uma boa alternativa de investimento para quem deseja manter uma carteira no mercado de ações diversificada, porém com um baixo custo. 

Além disso, para investidores iniciantes o ETF é uma excelente de maneira de se expor ao mercado, mas de maneira consciente e mais segura, já que o fundo conta com uma gestão profissional, cujo objetivo é alcançar os melhores resultados dentro do que foi definido para o fundo. 

Além disso, em cenários de Bolsa em alta, investir em um ativo que tende a replicar o Ibovespa pode ser uma ótima estratégia.