Organização financeira: como ter melhor controle sobre suas finanças? | London Capital | Blog Investimentos e Finanças

Organização financeira: como ter melhor controle sobre suas finanças?

By Tatiana Mallmann

Quer Aprender a Investir Melhor?

Receba semanalmente dicas exclusivas e ferramentas práticas para ajudá-lo a investir com sabedoria e ganhar dinheiro extra.

Organização financeira: como ter melhor controle sobre suas finanças?

Por GuiaBolso

A vida financeira está totalmente ligada a todos os outros aspectos da vida de qualquer pessoa, e as decisões tomadas nesse aspecto da vida influenciarão diretamente os momento do indivíduo e da família. Cada escolha é importante, e ganhar dinheiro e ter um futuro tranquilo está nos planos de praticamente todas as pessoas. Mas para atingir esse objetivo, é preciso uma boa dose de organização financeira!

Antes de seguir lendo este artigo quero te convidar a baixar um dos nossos [EBOOKs LONDON] link aqui. É um PDF para download gratuito que será enviado diretamente para sua caixa de e-mail. Os assuntos são variados, desde aposentadoria a investimentos específicos, através destes conteúdos, procuramos passar estratégias e dicas práticas para você usar no dia-a-dia como investidor.

Se você ainda não baixou faça agora, neste link.

No post de hoje, preparamos algumas dicas para te ajudar a entender melhor a sua situação financeira, atingir os seus objetivos e o tão desejado controle financeiro. Continue acompanhando!

Sua vida: uma pequena empresa

Você já pensou em analisar sua vida sob essa ótica? Pois bem, que tal experimentá-la? A saúde financeira de um negócio de sucesso envolve determinados processos, como administrar receitas, controlar despesas, gerenciar os recursos e manter o capital em níveis adequados.

Esses processos são indispensáveis para que as empresas se mantenham no mercado, e têm tudo a ver com uma gestão financeira adequada para vida de qualquer pessoa. Mesmo parecendo um tanto formais, as diferentes fases da organização financeira de uma empresa nada mais são do que práticas para “manter a conta no azul” — e podem ser perfeitamente aplicadas ao seu orçamento pessoal!

Vamos analisar cada um desses processos e enxergar de que maneira pode ser adotado em seu cotidiano:

Organize-se para administrar receitas

Tudo aquilo que você ganha — salário, bonificações, um extra, tudo mesmo —, é a sua receita. Administrá-la corretamente é a primeira atitude a ser adotada para ter um controle eficiente sobre as finanças pessoais. Organização é a ferramenta que você usará para administrar bem seu dinheiro.

Controle suas despesas

Mantenha as contas (de casa, os parcelamentos de compras, faturas de cartões de crédito etc.) sempre em dia — isso evita gastos desnecessários com correções e juros. Fuja, a todo custo, de pagar apenas o valor mínimo de seu cartão de crédito! A dívida feita no cartão de crédito deve ser saldada pontualmente, por isso, pense duas vezes antes de comprar itens de alto valor.

Registre cada entrada e saída de dinheiro

Para manter esse controle, usar um aplicativo de gestão financeira é a forma mais prática. Há ainda as planilhas e o velho “caderninho” para anotar despesas. Nesse caso, vale tudo, só não vale deixar de registrar suas compras: farmácia, supermercado, a padaria na qual você toma aquele cafezinho à tarde — tudo deverá ser registrado! E, claro, registre também as entradas: pagamentos por trabalhos, restituição do Imposto de Renda, aplicações financeiras resgatas etc.

Mantenha seus gastos dentro do orçamento

Registrando suas despesas e entradas, fica mais fácil fazer uma previsão de seu orçamento. Para uma gestão financeira eficiente, fique sempre dentro do orçamento, evitando fazer despesas não programadas! Assim, seu capital estará mantido em nível suficiente para que empréstimos não sejam necessários.

Ao adotar essas práticas, você se beneficiará de muitas maneiras! A mais notável é ter uma clara noção do que se ganha e no que se gasta,  o que te permitirá gerir melhor o seu dinheiro. A partir dessa visão mais abrangente, será possível identificar despesas desnecessárias e fazer o seu dinheiro render mais!

Tudo feito, é hora de guardar dinheiro!

Com o orçamento devidamente sob controle, o próximo passo é começar a guardar dinheiro e multiplicá-lo para ter mais segurança e tranquilidade financeira.

Sabe aquele dinheiro que ficou “em caixa”, parado na sua conta bancária depois que você conseguiu se organizar? Essa verba deve ser usada como um fundo de reserva e investida em algum tipo de aplicação financeira. E, para escolher a melhor para você, é importante definir os objetivos dos seus investimentos financeiros.

A reserva financeira pode ser feita pensando em emergências, mas o ideal é que ela aumente a cada mês e sirva para compor o seu patrimônio — como a compra de um imóvel, por exemplo.

Gastar com equilíbrio: um dos pilares da organização financeira

Para atingir seu objetivo, que é aproveitar os benefícios da organização financeira em sua vida, ter equilíbrio é fundamental. Além de gerir seus recursos com toda cautela, é necessário saber como gastar seu dinheiro.  Não é possível deixar de consumir, afinal, o consumo faz parte da vida.

Assuma um consumo consciente

Comprar é uma ação que pode — e deve — incluir consciência total de quem a pratica. Saia, veja as vitrines e aproveite. Mas, na hora de desembolsar qualquer valor, faça a si mesmo alguns questionamentos:

1. Realmente preciso disso?

Elaborar mentalmente essa pergunta é parte fundamental do consumo consciente. Muitas vezes, é o desejo que comanda a ação de comprar, quando, na verdade, quem deve comandá-la é a razão.

2. Hoje é o dia certo para gastar?

Responder a essa pergunta só será possível ao levar em conta o dia do mês e o tempo entre ele e o recebimento de alguma receita prevista. Se a entrada de dinheiro estiver longe de acontecer, o provável é que, ao comprar algo, você acabe usando seu cartão de crédito ou cheque especial.  Moral da história: organização financeira que vai por água abaixo!

3. Há uma alternativa de consumo que seja mais adequada ao meu objetivo de economizar para o futuro?

O universo dos produtos e serviços é tão amplo que sua resposta tem tudo para ser um sim! Ao ver, por exemplo, uma roupa de marca consagrada, ou um eletrodoméstico da marca líder do mercado que poderá ser muito útil em seu lar, lembre- se: eles são gotas em um mar de possibilidades. Grifes e marcas famosas têm concorrência e você não terá grandes dificuldades para encontrar ótimos produtos no mesmo gênero a preços bem mais convidativos.

Com equilíbrio e a adoção das condutas descritas neste post, você estará pronto a colocar a organização financeira para trabalhar a seu favor e te dar os melhores resultados. Organize-se, controle suas despesas e receitas, planeje o seu orçamento pessoal e colha todos os frutos de uma vida financeira mais saudável!

Ah e não esquece de baixar um dos nossos [EBOOKs LONDON] link aqui.

Quer Aprender a Investir Melhor?

Receba semanalmente dicas exclusivas e ferramentas práticas para ajudá-lo a investir com sabedoria e ganhar dinheiro extra.

About the Author

Tatiana Mallmann, Co-Fundadora do Blog London Capital, formada em Administração de Empresas, ingressou no mercado financeiro em 2006, acumulando experiência em varejo, planejamento financeiro e seguros corporativos em instituições como Banco do Brasil e Confiança Companhia de Seguros. Especialista em planejamento financeiro, gestão de risco, proteção do ativo humano, blindagem de patrimônio e sucessão empresarial.