4 Dicas Para Você Entender Como Investir em Fundos Cambiais

4 Dicas Para Você Entender Como Investir em Fundos Cambiais

By Tatiana Mallmann | Fundos de Investimentos

Quer Aprender a Investir Melhor?

Receba semanalmente dicas exclusivas e ferramentas práticas para ajudá-lo a investir com sabedoria e ganhar dinheiro extra.

nov 26
O que você precisa saber para investir em fundos cambiais

Quem começa a investir logo se depara com diferentes possibilidades de investimentos que vão além do tradicional Tesouro Direto e do mercado de ações na Bolsa de Valores. Uma dessas opções são os fundos cambiais, que têm alta rentabilidade aliada a um risco igualmente elevado, mas que são opções muito interessantes para alguns investidores, especialmente em momentos de crise econômica.

Já ouviu falar nos fundos cambiais? Quer conhecer uma nova espécie de investimento? Confira tudo o que precisa saber para investir nisso!

 

O que são fundos cambiais?

Os fundos cambiais são fundos de investimento que acompanham moeda estrangeira, normalmente dólar ou euro. De modo geral, o fundo cambial é um tipo de investimento em que o investidor faz aplicações em dólar ou euro e depende de como a moeda se comportará para poder aferir os seus lucros e calcular sua rentabilidade. O investidor, portanto, beneficia-se do aumento ou disparada em geral da moeda estrangeira e sofre perdas de rentabilidade quando há desvalorização cambial.

Como os fundos cambiais funcionam?

Diferentemente do que muita gente pensa, os fundos cambiais não são operados nas bolsas de valores e sim por instituições financeiras, que funcionam como administradoras dos ativos do fundo.

Os investimentos podem ser feitos tanto em títulos públicos como em títulos privados, como as debêntures, mas para ser considerado um fundo cambial é preciso que pelo menos 80% dos investimentos sejam feitos em moeda estrangeira. Os 20% restantes normalmente são aplicados em fundos de renda fixa, garantindo uma leve diminuição dos riscos pela garantia de rentabilidade, ainda que bem mais baixa.

Quais as vantagens e riscos desse tipo de investimento?

O investimento em fundos cambiais tem como vantagens a possibilidade de gerar ganhos elevados e a proteção contra a alta da moeda estrangeira em questão. Isso se deve ao fato de que com a variação cambial para cima, o investidor ganha mais, beneficiando-se de uma situação normalmente desfavorável, que é a desvalorização da moeda nacional.

Os riscos, entretanto, são tão grandes quanto os lucros que esses fundos podem oferecer, já que a operação cambial não é nenhuma ciência exata e não há nenhuma garantia de comportamento do mercado. O câmbio que parece estável em um dia pode sofrer uma acentuada queda devido a ações políticas ou econômicas de outros países ou mesmo graças a atitudes econômicas nacionais para controle cambial.

Para que tipo de investidor os fundos cambiais são indicados?

Graças às suas características, os fundos cambiais são indicados, primeiramente, para os investidores que têm um apetite maior pelo risco. Essa, entretanto, não é a única indicação, já que esse tipo de investimento não é recomendado para quem deseja construir patrimônio ou acumular riquezas.

De maneira geral, esse investimento serve para quem quer se proteger de uma alta da moeda estrangeira, como quem tem viagem marcada para o exterior e empresas que precisam importar insumos e matérias-primas para sua produção. Em menor grau, esse investimento também é bom para quem entende bastante sobre o mercado cambial de modo geral, segmentando para investidores mais experientes ou especialistas.

Investir em fundos cambiais é uma boa opção para quem aceita correr alguns riscos a mais. Apesar de sua rentabilidade, também é preciso considerar os seus riscos, já que a previsibilidade das mudanças cambiais nem sempre é possível.

Ainda tem alguma dúvida sobre fundos cambiais? Deixe nos comentários!

 

Quer Aprender a Investir Melhor?

Receba semanalmente dicas exclusivas e ferramentas práticas para ajudá-lo a investir com sabedoria e ganhar dinheiro extra.

About the Author

Tatiana Mallmann, é formada em Administração de Empresas. Ingressou no mercado financeiro em 2006, acumulando experiência em varejo, planejamento financeiro e seguros corporativos em instituições como Banco do Brasil e Confiança Companhia de Seguros. Como empreendedora e educadora financeira, trabalha para ajudar pessoas e famílias a obter tranquilidade financeira.